Bárbara Poline disputa Brasileiro de Taekwondo

Bárbara Poline representou Itaúna na 45ª edição do Campeonato Brasileiro Adulto de Taekwondo, promovido pela Confederação Brasileira, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro. Ela foi a única atleta da modalidade na região Centro-Oeste classificada para o torneio. A jovem competiu pela categoria até 62 quilos, que contou com 15 taekwondistas. Integrantes da Seleção Brasileira e com experiências internacionais.

A competição reuniu os vencedores das seletivas estaduais de todo o país. A itaunense conseguiu a quinta posição.

“Realmente não era o resultado que esperava. Eu comecei a me dedicar mais ao esporte e quando a gente trabalha mais, a expectativa é de ficar pelo menos entre as três primeiras colocadas. No Rio de Janeiro, eu venci a primeira luta e perdi a disputa de medalhas, as quartas de finais”, contou Bárbara, derrotada por Kiwane Dias, que já foi atleta da Seleção Olímpica.

Apesar do fim de semana intenso, a lutadora já voltou à rotina de treinos na terça-feira, 14, visando os campeonatos marcados para o próximo mês. Bárbara aguarda apoio para continuar em busca de mais títulos para a cidade. Além de participar da seletiva para a Copa do Brasil, está nos planos também tentar uma vaga no Open Sudeste, torneios importantes na soma de pontos no ranking nacional.

Em conversa com a reportagem, a atleta agradeceu o auxílio que recebeu de empresários locais e o suporte de profissionais especializados que têm contribuído com a preparação dela no esporte de alto rendimento. “Esses patrocinadores, assim como o preparador físico, fisioterapeuta, crossfit, nutricionistas e muitos treinos conciliados com minha rotina de trabalho, dão maior confiança para que eu siga rumo às metas”, comentou.

Bárbara Poline conquistou este ano o título do Mineiro pela nona vez, sendo que os últimos cinco foram consecutivos. Em 2017, competiu em torneio na Argentina e acabou lesionada, o que fez com que abrisse mão da vaga no Campeonato Brasileiro. Ela voltou ao tatame em novembro, na Copa do Brasil. E saiu como vice-campeã.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.