Sábado, 21 Julho 2018

Funcionários em cargos comissionados, os chamados “de confiança”, efetivos, contratados e os estagiários da Prefeitura de Mateus Leme deverão atualizar os dados cadastrais no e-Social até o próximo dia 30. A plataforma é um novo sistema desenvolvido em conjunto pela Receita Federal, Caixa Econômica e ministérios do Trabalho e Emprego e da Previdência. O modelo adotado padronizará e unificará o envio de informações previdenciárias, contábeis e fiscais, com o encaminhamento, de uma só vez, dos documentos dos empregados, o que antes era feito em períodos e de formas diferentes.

O procedimento é obrigatório para todos os que ocupam funções na administração municipal. Quem descumprir a determinação fica sujeito à aplicação de multas pelos órgãos fiscalizadores e responsabilização disciplinar, além de outras medidas legais. O formulário está disponível em www.mateusleme. mg.gov.br. Em caso de dúvidas, o servidor poderá procurar o coordenador da unidade em que é lotado. 

O último boletim de monitoramento dos casos de Febre Amarela em Minas Gerais, divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde nesta quinta-feira, 21, confirmou mais uma morte por complicações da doença em Mateus Leme. De acordo com o relatório, o município contabiliza, até agora, quatro casos de contaminação pelo vírus. Dois pacientes chegaram a ser hospitalizados e tiveram alta. No entanto, dois faleceram.

A primeira morte foi registrada no fim de janeiro, período do agravamento do surto da enfermidade em várias cidades mineiras. A vítima, um homem de menos de 30 anos, morava na região de Freitas, na divisa com Itaúna, e estava internado no Hospital Regional de Betim. Na época, com apoio da Secretaria de Saúde da cidade vizinha, já que a comunidade está em área limítrofe, equipes de combate a endemias fizeram ações de bloqueio e conscientização da população sobre a vacina. 

O Serviço Social da Indústria – Sesi - e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Senai – darão início, na próxima terça-feira, 26, em Mateus Leme, ao curso gratuito de costureiro de vestuário assistente. São oferecidas 40 vagas, divididas entre os turnos da manhã e da tarde. Os interessados em concorrer devem comparecer à unidade do Sine, que fica na rua Dalila Alves da Cunha, 64, Centro (atrás da Pracinha da Criança). É necessário apresentar original e cópia da Carteira de Identidade, CPF e comprovante de endereço atualizado (no máximo de até três meses). A idade mínima exigida é 16 anos. Mais informações pelo telefone 3535-1401. 

Foi publicada no Diário Oficial do Município de sexta-feira, 15, portaria que dispõe sobre a regulamentação, captação e destinação de recursos financeiros para o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente em Juatuba. A medida, discutida e aprovada pelos conselheiros em 12 de junho, prevê a arrecadação por meio de renúncia fiscal e em parceria com a sociedade civil organizada e também estabelece os investimentos nos programas de proteção aos menores.

De acordo com o documento, serão aceitas doações por pessoas físicas e jurídicas de direito público ou privado, em forma de auxílios, contribuições ou legados. O montante arrecadado garantirá a manutenção dos projetos de entidades devidamente cadastradas (80%) e às políticas públicas desenvolvidas pelo Município (20%), mediante aprovação prévia do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA -, hoje sob a presidência de Luana Cristina da Costa Silva.

Reuniões plenárias

Uma resolução também divulgada na edição do DOM, de sexta-feira, 15, define o dia e horário das reuniões plenárias do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA. Conforme a proposta apresentada no cronograma anual de atividades, as sessões ordinárias serão sempre às terças-feiras, às 13h. As extraordinárias deverão ser convocadas com, no mínimo, 24 horas de antecedênci

Professores, aposentados e na ativa, pais e alunos realizam um ato de repúdio contras as ações do Governo Estadual nesta terça-feira, 26, em Mateus Leme. O movimento visa reivindicar salário justo e com pagamento em dia para a classe.

 

A concentração será em frente à Escola Estadual Elias Salomão.  Os organizadores esperam contar também com a participação de servidores estaduais de Juatuba e de toda a comunidade.

 

Salários atrasados e greve dos professores

 

Várias escolas estaduais seguem com as aulas suspensas devido a greve dos professores que chega a sua segunda semana. Nesta segunda-feira, 25, os profissionais da educação esperam receber a segunda parcela do salário, conforme anunciou Fernando Pimentel no sábado, 23. Contudo, a categoria afirma que alguns servidores, incluindo aposentados, não receberam nem a primeira parcela.

 

Faltando cinco dias para o fim do mês, milhares de funcionários na ativa e aposentados ainda não sabem quando irão receber todo o pagamento referente a maio. Com isso, os servidores acabam ficando inadimplentes. A preocupação aumenta à medida que as contas se acumulam.

 

Os servidores estaduais seguem desde 2016 com os vencimentos sendo depositados de forma escalonada. Porém, até então, o Estado não havia deixado a classe sem previsão de pagamento.

A Polícia Militar de Juatuba desencadeou operação preventiva no bairro Vila Maria Regina. Logo que iniciaram os trabalhos, as equipes suspeitaram de dois homens, que ocupavam um veículo VW/Gol, com placa de Campina Verde, município do Triângulo Mineiro. Durante a abordagem, ficou constatado, em consulta ao sistema informatizado, que ambos tinham passagens e contra o motorista do carro ainda havia um mandado de prisão em aberto. O indivíduo, identificado à imprensa pela corporação por meio das iniciais J.B.B., foi detido.

Proprietários de veículos automotores com placas com finais de 1 a 5, que ainda não pagaram o IPVA, Seguro Obrigatório, Taxa de Licenciamento e multas, deste ano ou de exercícios anteriores, têm poucos dias para regularizar a situação. O prazo vai até 30 de junho e, a partir de 1º de julho, o condutor flagrado pelas autoridades sem a documentação exigida será acusado de infração gravíssima, que gera multa de R$ 293,47, além de sete pontos na Carteira de Habilitação, conforme previsto no Código de Trânsito Brasileiro.

Para alertar aos inadimplentes, a Secretaria de Estado da Fazenda – SEF - começou a enviar, nesta semana, mensagem de texto via telefone celular (SMS). Na página eletrônica do Departamento de Trânsito de Minas Gerais – Detran/MG - é possível consultar todas as pendências. Os contribuintes podem fazer o pagamento diretamente nos terminais de autoatendimento ou nos guichês dos bancos credenciados. Basta informar o número do Renavam. A emissão da guia de arrecadação pode ser feita pela página da SEF na internet, nas repartições fazendárias e Unidade de Atendimento Integrado – UAI. Os juros e multas pelo atraso serão calculados automaticamente. Os agentes arrecadadores são o Banco do Brasil (Mais BB e Banco Postal), Bradesco, Sicoob, Mercantil do Brasil, Santander, Caixa Econômica Federal e Casas Lotéricas.

Para as placas de finais 6, 7, 8, 9 e 0, o prazo para obtenção do Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo – CRLV - de 2018 termina em 31 de julho. A partir de 1º de agosto, os motoristas que não portarem o documento regularizado estarão sujeitos às penalidades impostas pela legislação de trânsito.

Uma operação conjunta da Polícia Militar culminou na apreensão de muitas drogas e armamento “pesado”, em Pirapora, no Norte de Minas Gerais, e várias cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte - RMBH. Uma delas, O.S.J., de 52 anos, de Mateus Leme, que integrava a rota de distribuição. Ele é apontado como fornecedor dos entorpecentes. Durante as buscas na casa do homem, a PM encontrou 249 tabletes de maconha, um revólver calibre 32, seis detonadores, 110 gramas de explosivos e vários outros materiais. De acordo com a corporação, havia contra o indivíduo um mandado de prisão expedido pela Justiça do Rio de Janeiro. A equipe prendeu ainda P.H.S.O., 19, suposto funcionário de O.S.J., que é acusado de comandar o esquema.

A “caça” aos traficantes começou em Contagem, devido às denúncias de que dois elementos, M.S.O., 35, e V.B.E., 23, guardavam uma grande quantidade de tóxicos no bairro Sapucaia. Com eles, foram localizados R$ 7 mil, seis barras de maconha, uma pistola .380 e nove munições. Um dos elementos, M.S.O., assumiu que comprava os produtos para revender. Sobre a arma, o elemento contou que adquiriu de W.F.L., 36, no Jardim Teresópolis, em Betim. No mesmo local, os policiais apreenderam dois revólveres .38, uma pistola 765, e 14 munições .45, de uso exclusivo das forças de segurança. O mais jovem, V.B.E., tem passagens por formação de quadrilha e furto.

A PM descobriu que os tóxicos foram trazidos por O.S.J. do Paraguai para Pirapora. As drogas seriam distribuídas na capital e municípios no entorno, no Centro-Oeste, Rio de Janeiro, São Paulo e Mato Grosso do Sul. No Norte do estado, as equipes responsáveis pela operação localizaram o carregamento de 2,5 toneladas de maconha

No fim de 2017, a Prefeitura de Juatuba criou a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social, com o objetivo de ampliar a cooperação do Município com o governo de Minas Gerais, no sentido de garantir mais proteção à população local. Com isso, a pasta passou a trabalhar de forma preventiva no combate à criminalidade, realizando estudos e levantamentos que auxiliam a atuação ostensiva e repressiva da Polícia Militar, resultando, consequentemente, na diminuição da violência na cidade.

Conforme a última atualização da Secretaria de Estado de Segurança Pública, até o momento foram lançadas no sistema 86 ocorrências de crimes violentos em Juatuba e dois homicídios, número bem abaixo de 2017. No total, o município teve 404 registros no ano passado, uma média de aproximadamente 33 por mês.

“Aumentamos a parceria com a Polícia Militar, no intuito de buscar ampliação do efetivo. Também apoiamos com palestras, identificação de problemas sociais nas portas das escolas, por meio de conversas com os diretores e melhoramos iluminação e sinalização. Também comunicamos à PM sobre o uso de entorpecentes nos horários de entrada e saída das aulas. Fizemos um portfólio até com fotos dos pontos que precisam de mais atenção e repassamos para a corporação, para intensificação dos trabalhos, enquanto nós estamos atuando na prevenção”, explica o secretário de Segurança Pública e Defesa Social, Alexandre Antônio Diniz Avelar.

A busca por reforço no contingente de Juatuba foi uma das primeiras ações de Avelar à frente da pasta. Logo após assumir o cargo, ele se encontrou com o coronel Mauro Lúcio de Moura Alves, comandante da 2ª Região de Polícia Militar, para fazer a solicitação. Por meio de ofício, ele reforçou a necessidade da medida, como alternativa para garantia de mais tranquilidade aos moradores e comerciantes.

De acordo com o gestor, a Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social vem alcançando os resultados esperados e cumprindo com todos os propósitos. “Foi um ganho enorme para a cidade, resultado de muita coragem da prefeita, em assumir uma posição dessa e constituir a pasta. Enquanto a violência vem aumentando estatisticamente no país, aqui esse problema está sendo diminuído. Isso é possível também graças ao bom trabalho prestado pelos policiais, por todos os profissionais da área”, destaca.

Combate ao uso de tóxicos

Para fortalecer ainda mais o trabalho realizado na cidade, este ano Juatuba também passou a contar com um Conselho Municipal de Políticas sobre Drogas – Compod. O órgão foi criado para atuar como um colegiado de caráter normativo, consultivo e deliberativo, vinculado à Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social, integrado às iniciativas nacionais de prevenção, tratamento, reabilitação e reinserção social de dependentes químicos. O Conselho tem como objetivo coordenar as atividades de todas as instituições e entidades de Juatuba responsáveis pelo desenvolvimento das ações de combate ao uso de entorpecentes e ao tráfico.

Semana Municipal Antidrogas

Também foi criada em Juatuba da Semana Municipal Antidrogas. A data será comemorada sempre na terceira semana do mês de junho. A programação terá eventos informativos e de prevenção ao uso de substâncias psicoativas e entorpecentes, como palestras, oficinas e workshops. A proposta é envolver toda a sociedade, as secretarias municipais de Segurança Pública e Defesa Social, Saúde e Assistência Social, além das polícias Militar e Civil, associações ligadas ao tema e instituições de ensino.

A divulgação, planejamento e realização ficaram a cargo da Secretaria Municipal de Segurança e Defesa Social. Os detalhes para a primeira edição estão sendo finalizados. Avelar Diniz adiantou à reportagem, que, além de atividades nas escolas, haverá blitz e panfletagem.

Usuários das linhas de ônibus metropolitanas têm até o próximo dia 30 para opinar sobre a qualidade dos serviços prestados à população das cidades no entorno de Belo Horizonte. A iniciativa é da Subsecretaria de Estado de Regulação de Transportes, por meio da pesquisa “Para onde vou”, lançada na internet. A medida visa a atualização dos dados sobre os deslocamentos de origem e destino dos passageiros aos domingos e feriados para a verificação da demanda, em comparação com o fluxo e itinerários nos dias úteis. São dez perguntas e não há necessidade de identificação. O formulário pode ser acessado em www.transportes.mg.gov.br, enquanto para sugestões, críticas e elogios está disponível o endereço eletrônico O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.. gov.br.

 

SUGESTÃO DE MATÉRIA

EDIÇÃO EM PDF ONLINE