Cartório Eleitoral notifica partidos de Itaúna que não prestaram contas de 2016

0
337

Sete legendas que não prestaram contas referentes ao exercício de 2016 em Itaúna, tiveram seu órgão partidário municipal suspenso. De acordo com informações da 140ª Zona Eleitoral de Itaúna, foi entendido pelo juiz responsável pelo caso que se um partido político não prestar contas à Justiça Eleitoral, a única sanção é o impedimento de receber cotas do fundo partidário, até que as contas sejam devidamente prestadas.

Em Itaúna, o Movimento Democrático Brasileiro – MDB; Partido da Causa Operária – PCO; Partido Republicano da Ordem Social – PROS; AVANTE; Partido Pátria Livre – PPL; Partido Popular Socialista – PPS e Partido Renovador Trabalhista Brasileiro – PRTB –, não podem receber cotas do fundo partidário, até que prestem contas à Justiça Eleitoral.

Os representantes desses partidos supracitados devem procurar o Cartório Eleitoral de Itaúna o mais breve possível. A situação, caso não seja regularizada a tempo, poderá impedir o lançamento de candidatos nas eleições de 2020. Os órgãos superiores, estadual e nacional, de cada um dos partidos relacionados já foram notificados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui