Em festa, correligionários do prefeito eleito falam sobre compra de votos

0
196

Apoiador de Dr. Renilton diz que ficará na prefeitura até 2032 e faz gozação com a Justiça

Desde que o resultado da eleição foi divulgado em Mateus Leme, vídeos mostram as diversas festas organizadas pela chapa vencedora a prefeito e seus correligionários. Não que comemorar seja errado, afinal, foi uma eleição apertada, vencida no voto a voto. Entretanto, o período de pandemia torna as comemorações aglomeradas inapropriadas e é aí que a população tem cobrado exemplo.

No fim do mês de novembro, uma festa em Azurita com a presença do prefeito eleito Dr. Renilton, do vice, Andinho, além de dezenas de convidados, foi motivo de incômodo entre os moradores do distrito, porque a região é uma das que mais tem registros de casos suspeitos da Covid-19.

Esta semana, viralizou mais uma publicação nas redes sociais, e apesar de as imagens não contarem com a aparição dos candidatos eleitos, um correligionário narra que se trata de mais uma festa da vitória. Ele mostra bebidas, os convidados se servindo e ao ser indagado sobre a comemoração, o apoiador de Dr. Renilton desdenha da justiça e dos boatos. “Faz uma denúncia, um B.O aí, e manda para o juiz. Fala que nós está (sic) comprando voto hoje… já foi eleito ontem, aí o voto hoje é pra 2024, fio (sic)… nós já tá adiantando a festa pra 2024, aí nós vamos fazer pra 2028, reelege em 2028, 2032. Na hora que eu tiver gagá, na bengala, eu tô lá na prefeitura… compra de voto”, ironizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui