Passagens intermunicipais aumentam em 8%, reajuste médio metropolitano é de 4,46%

0
526

O reajuste nos preços do transporte, previsto em todo início de ano, atingiu as principais rotas utilizadas pelos juatubenses e mateus-lemenses entre os municípios da região.

Os novos valores do Sistema de Transporte Metropolitano sofreram um aumento médio de 4,46%, e o valor da tarifa preponderante passa de R$ 5,35 para R$ 5,60, abrangendo 232 linhas.

Já os transportes intermunicipais aumentaram em 8% seus valores. De Azurita para Mateus Leme é preciso desembolsar R$ 3,60, enquanto de Mateus Leme para Juatuba, o passageiro passa a pagar R$ 4,20 e de Juatuba para Betim o valor passou para R$ 6,95.

A variação entre as empresas acontece na linha Itaúna e Mateus Leme, ao passo que a Viação Itaúna passou sua passagem para R$ 8,10, a Teixeira Turismo cobra R$ 7,55 pelo trajeto.

As tarifas do sistema, gerenciado pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade de Minas Gerais (Seinfra), são reajustadas anualmente, conforme o artigo 5º dos contratos de concessão, assinados em 2008.

O aumento visa à correção da defasagem dos valores das tarifas ocorridos nos doze meses antecedentes, que incluem combustível, lubrificantes, peças e acessórios, entre outros, o que representou 41,49% enquanto os custos fixos (despesas de pessoal de operação, depreciação e remuneração do veículo, custo do sistema de bilhetagem eletrônica, entre outros) representaram 40,05%. Desde o reajuste de 2017, não são considerados custos referentes ao cobrador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui