Prefeitura de Juatuba adquire mais oito lotes do Clube Icaraí

0
392

“Área será usada para promoção de atividades esportivas”

No mês de junho, tramitou na Câmara de Juatuba o projeto que transferiu três lotes do antigo Icaraí Campestre Clube para a Prefeitura do município como forma de quitação de dívida tributária referente a cobrança de IPTU. O texto foi aprovado pelos vereadores que, na época, inclusive mencionaram a possibilidade de transformação do imóvel em ponto de lazer e esporte para a população.

Nesta semana, um vídeo da secretária municipal de educação, Denise Navarro, e do controlador interno da prefeitura, Rafael Antônio, circulou nas redes sociais. Nas imagens gravadas em área próxima à piscina do clube, ambos afirmaram que o espaço será transformado para uso da população, inclusive a área da piscina. Rafael menciona a negociação da administração municipal com a associação responsável pelo clube e que mais áreas seriam transferidas para o município.

No caso da dação em pagamento aprovada na Câmara, estavam inclusos os lotes de número 9, 10 e 19, não incluindo as piscinas. Procurado pela reportagem para esclarecimentos, o controlador interno explicou que o lotes citados no vídeo foram recebidos por doação e não devem ser confundidos com aqueles transferidos como pagamento pela dívida.

Rafael afirma ainda que a Associação do Icaraí Campestre Clube não possui qualquer forma de renda, de forma que não seria possível quitar a dívida em dinheiro. Além disso, ele ressalta o abandono da área ao longo dos anos. “Devido ao abandono e pela impossibilidade financeira de retomar as atividades do clube, a Associação foi alvo de diversas denúncias em relação à falta de cuidado com os lotes tomados pelo mato alto. Outros problemas foram evidenciados pelas chuvas fora da média que atingiram o Município no início do ano, quando as piscinas vazias ficaram alagadas e foram indevidamente utilizadas por pessoas que, na época, invadiam o imóvel, além de propiciar focos de dengue e outras zoonoses”, destacou.

Ainda segundo o controlador, a doação de mais oito lotes foi oferecida de forma espontânea pela associação responsável pelo espaço. Somadas aos três transferidos anteriormente, os terrenos compõem a área do parque aquático que será de propriedade do município. “Enquanto setor público, as instalações do clube serão administradas pela Prefeitura de Juatuba. Importante ressaltar que a estrutura de imóveis do clube é de excelente qualidade, carente de limpeza e cuidados mas, em breve, a parte adquirida pelo Município estará disponível para a execução de diversos projetos sociais, culturais e esportivos para a população de Juatuba”, finalizou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui