Vários bairros de Mateus Leme e Juatuba reclamam da falta d’água

0
321

Copasa alega que abastecimento foi prejudicado por problemas operacionais

A Copasa sempre foi alvo de muitas reclamações e são inúmeras as queixas em relação à prestação de serviços da empresa, dentre elas os atrasos na execução de obras e os problemas de fornecimento de água. Nos últimos dias, muitos bairros de Juatuba e Mateus Leme têm sofrido com a falta d’água e vários localidades tiveram que ser abastecidas por caminhões-pipa. Além das dificuldades causadas, a ausência de explicações é o que mais revolta a população.

Nesta semana, o problema chegou à Câmara de Juatuba que tem CPI ativa e em fase final de investigação sobre os termos do contrato que envolve a Companhia de saneamento e a prefeitura. De acordo com o vereador Alexandre Avelar, membro da comissão, os membros estão aguardando somente o resultado dos testes de qualidade da água e a mensuração da quantidade de esgoto lançado nos córregos da região para finalizar o relatório e enviá-lo aos órgãos fiscalizadores para providências.

Na última semana, o desabastecimento atingiu grande parte da cidade e os vereadores começaram a cobrar da administração o cumprimento do contrato com o município. A situação é mais grave na região dos bairros Boa Vista, Jardim Leme e Francelinos. “Já mandamos uma convocação para a Copasa. Eles alegam que não estão vindo por serem do grupo de risco para a Covid-19, então, mandamos algumas perguntas e pedimos que enviem um representante que não faça parte do grupo de risco”, explicou Avelar.

Já em Mateus Leme, a falta d’água tem atingido principalmente o bairro Mangabeiras e adjacências, mas também chegou a afetar o Centro da cidade esta semana. Em contato com a Prefeitura, a reportagem foi informada que o município cobrou explicações da companhia de abastecimento e que a mesma afirmou já ter iniciado uma obra de reforço para o abastecimento de Mateus Leme, com a construção de 270 metros de rede, a partir do Reservatório da Estação de Tratamento de Serra Azul, até a adutora que abastece o município.

Em resposta à reportagem, a Copasa informou que o abastecimento de Juatuba e Mateus Leme foi prejudicado no mês de agosto por problemas operacionais e emergenciais no sistema de duas cidades. A empresa alegou que o consumo elevado no período também intensificou o desabastecimento e que encheu os reservatórios usando caminhões-pipa. Ainda segundo a Copasa, foi iniciada ontem, 11, a obra de reforço e ações de melhorias pontuais, como no bairro Central, em Mateus Leme, além a substituição dos sistemas de bombeamento que abastecem os bairros Boa Vista da Serra e Região de Francelinos, em Juatuba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui