Volta das chuvas preocupa e evidencia problemas nas ruas e pontos de alagamento

0
44
Rua do Campo do Guarani, no Centro, enfrenta problemas de alagamento

Apesar da chuva trazer alívio para o calor intenso que tem feito nos últimos dias, ela também traz para moradores de Mateus Leme a amarga lembrança do medo e prejuízos ocasionados pelas tempestades severas de janeiro e fevereiro de 2020. A previsão do tempo aponta que a partir da próxima terça-feira, 2, as pancadas de chuva devem retornar à cidade, o que já coloca em alerta a população.

Logo após as chuvas do início do ano passado, a Defesa Civil iniciou trabalho de mapeamento e visitação aos pontos mais vulneráveis de Mateus Leme, prestando atendimento e orientando em caráter preventivo. Esses pontos mapeados se referem a locais de possíveis alagamentos, deslizamentos e também vias onde a circulação pode ficar restrita.

Rua do Campo

O Campo do Guarani fica na região central da cidade. A chamada Rua do Campo fica em suas imediações e quando chove forte o alagamento na região é quase certo. A via, em parte, é calçada e o restante é estrada de terra. A necessidade por obras de pavimentação e, especialmente de drenagem é antiga e uma demanda recorrente entre quem vive ou transita pela área.

Acesso a ponte do Santa Cruz

A ponte da rua Dona Filó fica sob o Ribeirão Mateus Leme. O curso d’água corta praticamente todo o município, mas nesse trecho em especial é onde os alagamentos são mais recorrentes. O problema fica mais grave uma vez que essa rua é o principal acesso dos moradores do bairro Santa Cruz às suas casas. O local necessita de ampliação da ponte, drenagem pluvial nas ruas do entorno e manutenção do curso d’água para que ele suporte o aumento de volume durante as chuvas.

Rua Passos

O exemplo aqui mostrado é da Rua Passos, no João Paulo II, mas situações semelhantes podem ser encontradas nos bairros Paraíso, Atalaia, Vivendas do Vale, e muitos outros. Apesar de não alagarem, essa via em dias de chuva fica intransitável. Por ser de terra, sem qualquer tipo de drenagem, são muitos os pontos e erosão, o que demanda patrolamento imediato após a chuva, o que nem sempre ocorre. A solução para esse caso seria pelo menos o calçamento da rua e abertura de bocas de lobo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui